Saiba aqui os cuidados e como evitar a Febre Amarela.

A febre amarela é uma doença que pode matar e existe alguns casos de morte no Brasil. Muitas pessoas estão assustadas com um possível surto e não sabem as diversas formas de evitar a doença. Então vamos citar aqui como você pode prevenir a doença e de sua família também.

Tenha atenção a possíveis focos do mosquito Aedes Aegypti

A principal preocupação da população ainda deve ser eliminar os focos dos mosquitos e seus criadouros, que podem ser em lugares bem comuns como: Baldes e vasilhas com água parada, pneus com água parada e qualquer local que a água possa ficar acumulada. Pode até parecer um trabalho chato de fazer diariamente, porém, essa é uma das medidas mais importantes contra esse mosquito. Lavar esses locais com água e um pouco de cloro pode ajudar muito.

Use repelente

O repelente é essencial nessa fase de preocupação de surto. O ideal é que todas as pessoas que puderem usem esse produto, principalmente crianças e idosos que são pessoas que estão na classificação de risco. O ideal é usar repelentes de marca conhecida e ter atenção ao tempo certo de reaplicação do produto e assim ficar livre das picadas do mosquito.

Pessoas que não podem tomar a vacina devem se prevenir em dobro

Pessoas com baixa imunidade como os pacientes que tem câncer e fazem tratamento de quimioterapia e radioterapia, precisam ficar atentos aos mosquitos. Eles não podem tomar a vacina da febre a amarela, justamente por ter uma imunidade muito baixa. Caso essas pessoas sejam infectadas pelo mosquito, terão grande chance de ter uma complicação e até morrer. Essas pessoas devem usar repelente durante todo o dia e evitar ir para locais onde se tenham maior chance de surto da febre amarela.

Usar roupas que cubram boa parte do corpo também é indicado para evitar ser picado pelo mosquito

Outra dica bem legal contra a picada do mosquito transmissor é usar roupas que cobrem o corpo todo. Com essa dica fica mais fácil evitar o contato com o mosquito transmissor. Com esse tipo de roupa o mosquito sente dificuldade em achar um local para picar. E as chances de contrair a febre amarela diminui drasticamente. O ideal é usar roupas longas e usar também o repelente e assim evitar que o mosquito te pique.

Use vela de citronela

0 uso de vela citronela também ajuda a afastar o mosquito transmissor. O ideal é acender a vela assim que sentir que está caindo a noite. Se você residir em um local que tenham muito mato, pode usar a vela durante o dia também. A vela de citronela pode ser achada em mercados ou lojas que vendem produtos naturais. Seu cheiro não é forte e normalmente não incomoda. E o valor dessa vela é relativamente baixo se avaliar o custo benefício. Além disso, ela dura bastante.

Usar tela de proteção em janelas e portas pode ajudar contra o ataque do mosquito

Outra medida infalível para afastar os mosquitos da residência, é colocar telas de proteção em janelas e portas da residência. Dessa forma fica muito difícil dos mosquitos entrarem dentro de casa e consequentemente picar alguém que more na casa. As telas de proteção podem ser compradas em lojas de material de construção e costumam ser baratas. Para colocar elas nas janelas e portas também são bem fáceis, então não tem desculpa para não usar esse método contra os mosquitos.

Evite o acumulo de lixo e mato no quintal de casa

Com o risco de surto de febre amarela o ideal é cada um fazer a sua parte. Se você morar perto de locais que tenham matagal e grande quantidade de lixo, ligue para a prefeitura ou empresa de coleta de lixo e denuncie. Caso esse problema ocorra do seu quintal, o ideal é acabar com esse possível criadouro do mosquito transmissor.

Siga essas dicas e diminua as chances de contrair a febre amarela!

Cristiane Amaral


São Paulo está no meio de uma epidemia de conjuntivite desde o Carnaval e, para se proteger, basta seguir algumas medidas simples. Por esta doença ser na maioria das vezes causada por vírus ou bactérias, evite locais com muitas pessoas e também contato com pessoas que estejam contaminadas. Esta inflamação da membrana que reveste o olho pode apresentar algumas alterações na córnea e nas pálpebras temporariamente.

Caso sinta ardência nos olhos ou esteja lacrimejando muito, com sensação de areia, vermelhidão ou inchaço, procure um oftalmologista, pronto socorro ou posto de saúde o quanto antes, já que todos os médicos estão habilitados para diagnosticar a doença.

Evite coçar os olhos, compartilhar objetos e usar água boricada ou chás caseiros. Se sentir a necessidade de umedecer os olhos, use água filtrada gelada ou soro fisiológico com gase ou algodão.

Nem todas as pessoas apresentarão todos os sintomas ao mesmo tempo, já que outras doenças também aparecem da mesma forma. Assim também não use colírios para não piorar a situação. Mantenha sempre as mãos e o rosto bem lavados para impedir a proliferação da infecção.

Por Danielle Vieira


O outono nem bem chegou e já há pessoas resfriadas e gripadas por conta da propagação dos vírus e bactérias causadores das enfermidades, através da tosse ou espirro. Segundo o Centro de Controle e Prevenção das Doenças, dos EUA, é o chamado processo de difusão das gotículas de germes.

O processo de contaminação, segundo o centro, se dá tocarmos um lugar contaminado e depois passarmos as mãos nos olhos, nariz ou boca.

De acordo com o Centro, medidas ajudam a evitar o alastramento dos germes. Confira algumas:

* Cubra a boca ou nariz ao espirrar ou tossir. Ao invés de usar a mão para isso, prefira um lenço.

* Lave as mãos sempre.  Se não puder lavá-las, a opção é higienizá-las com lenços de limpeza ou frasco de álcool gel para higienização das mãos.

Por Amanda Pieranti





CONTINUE NAVEGANDO: