Gordura no Fígado – Sintomas e Como Prevenir



Confira aqui os principais sintomas de gordura no fígado.

Você sabia que o fígado é considerado a maior glândula do corpo humano? Esse órgão é um anexo do aparelho digestivo, está localizado na região superior do abdômen, possui coloração marrom avermelhada e é responsável por exercer funções fundamentais no organismo.

Para ter uma ideia, ele é fundamental para secretar a bile, uma espécie de "detergente" que dissolve e distribui as gorduras do nosso sistema. Nesse processo, ele ainda sintetiza o colesterol – que em seguida também é excretado pela bile.



Por esse motivo, é importante observar como vai a saúde do seu fígado. O acúmulo de gordura nessa região não pode ser considerado normal e provoca doenças como cirrose hepática e, em casos mais graves, a insuficiência hepática.

Conheça a seguir 10 principais sintomas de gordura no fígado:

  • Fadiga
  • Obesidade
  • Barriga inchada
  • Confusão mental
  • Alterações do sono
  • Fezes esbranquiçadas
  • Dor de cabeça constante
  • Enjoo e ânsia de vômito
  • Olhos e pele amarelados
  • Dor na parte superior direita do abdômen

Métodos naturais para prevenir e combater a gordura no fígado

Se você apresentar um ou mais dos sintomas citados no tópico anterior, busque o auxílio de um profissional da saúde como clínico geral ou endocrinologista. O diagnóstico oficial é feito a partir de um exame laboratorial que mede os níveis de TGO e TGP no sangue.



A gordura no fígado pode ser uma condição genética, porém, há centenas de outros inimigos, como o consumo excessivo de bebidas alcoólicas, a ingestão de alimentos industrializados e ultraprocessados e ainda o sedentarismo.

No entanto, existem também alguns métodos naturais que são aliados na prevenção e combate do acúmulo de gordura nesta região.

Leia também:  Diabete Tipo 1 (DM1) - Causas e Cuidados

A primeira dica é evitar o consumo de álcool, principalmente se você tem predisposição genética ou apresentou algum sintoma evidente.

Estudos também indicam que reduzir 7% do peso corporal ajuda consideravelmente na dissolução natural da gordura no fígado.

Invista em uma dieta balanceada, rica em nutrientes, vitaminas e minerais. Nesse sentido, alguns alimentos podem trazer resultados ainda melhores.

Em relação aos cereais, substitua as versões tradicionais por integrais, como pães, arroz e macarrão. Eles são fontes de fibra e promovem uma espécie de faxina no organismo.

Frutas, legumes e verduras, principalmente os vegetais folhosos, também são excelentes fontes de fibra. Consuma ainda uma porção diária de grãos e leguminosas.

Cabe ressaltar que os vegetais que apresentam nutrientes como colina e betaína auxiliam o fígado a metabolizar os triglicerídeos, o que é bastante benéfico para a saúde digestiva. Alimentos como beterraba, brócolis, espinafre, sementes de linhaça, quinoa e gergelim são fontes naturais de colina e betaína.

Escolha carnes brancas, que apresentam menos gordura do que a carne vermelha. As opções variam entre carne de frango ou de peixe. Ovos também podem ser incluídos na alimentação, desde que sejam cozidos ou preparados sem óleo.

Quando o assunto é leite e derivados, a melhor opção nesse caso são os desnatados, assim como os queijos brancos e a ricota. Evite ou diminua o consumo dos queijos amarelos, que são fabricados a partir de processos industrializados.

Outra dica é garantir a ingestão de no mínimo dois litros de água por dia para eliminar mais facilmente as toxinas do organismo. Consuma também alguns chás com propriedades desintoxicantes como chá verde, chá de dente de leão, chá de alcachofra e chá de quebra pedra.

Leia também:  Como Evitar a Febre Amarela?

Por fim, e não menos importante, pratique atividade física pelo menos três vezes na semana. Exercícios como ginástica localizada, caminhadas regulares, ioga e pilates são atividades de baixo impacto que queimam calorias e aumentam o condicionamento físico.

Juliete Lucas

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *