Celular pode causar alteração na atividade cerebral




Um estudo americano realizado por cientistas do Centro Nacional de Saúde dos Estados Unidos (NIH) revelou que há um aumento de 7% na taxa de consumo de açúcar em regiões do cérebro próximas as antenas dos aparelhos, após a utilização por pelo menos 50 minutos. A presença de glicose é um sinal de aumento na atividade cerebral.

Esse estudo não produziu nenhuma conclusão a respeito de potenciais efeitos cancerígenos causados pelo celular, ou a ausência deles.


Apesar disso, os cientistas ainda informam que novos estudos devem ser realizados para serem avaliados os efeitos causados durante uma exposição por um período maior, e consequentemente sua relação com a aparição de células cancerígenas ou não.

Para um dos responsáveis pela realização desta pesquisa, se em estudos próximos for confirmado o efeito sobre o metabolismo no uso de celulares, deverá ser feita uma investigação sobre as implicações desta alteração na nossa saúde.

Por Henrique Pereira




Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *