Icterícia – Amarelão em recém-nascidos

  

  

Algumas doenças são comuns entre os recém nascidos e a maioria das crianças passa por problemas iguais na primeira fase de suas vidas.

A icterícia é uma doença comum que pode se manifestar 24 horas após o nascimento e pode atingir até 2/3 dos bebês. Ela acontece quando o feto para de respirar dentro da barriga da mãe. A criança recebe oxigênio através das hemácias presentes no sangue e após o parto ela passa respirar pelo próprio pulmão, então o organismo passa a destruir as hemácias.


Geralmente a criança recém nascida possui o fígado imaturo e quando os glóbulos vermelhos se quebram liberam uma substância que é deve ser metabolizada pelo fígado, e com o órgão imaturo esse processo nem sempre é realizado de maneira correta causando um excesso no corpo dessa substancia chamada bilirrubina, que deixa a pele do bebê amarelada.

Caso não seja tratada corretamente ela pode causar riscos para o bebê, as complicações variam do risco de surdez, retardo mental e até mesmo a morte.

Por Milena Evelyn

  

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *