O que é TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo)?



  

Conheça aqui um pouco mais sobre o TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo).

O que é TOC?

Geralmente, ouvimos falar do Transtorno Obsessivo Compulsivo, o famoso TOC, quando associado a manias. Lavar as mãos constantemente, não conseguir manter a decoração desorganizada, entre outras coisas, são comumente atribuídas como sinais do transtorno. O ponto é que o diagnóstico do TOC vai muito além de uma simples mania. Existem vários casos realmente preocupantes, quadros caracterizados pelo transtorno: lavar as mãos até que elas se esfolem, cortar partes do corpo para equilibrá-lo ou não poder evitar reescrever todos os cadernos da época da escola, mesmo que isso signifique viver os dias em função disso.

Esses e outros muitos casos são diagnosticados como TOC. O que caracteriza o transtorno obsessivo compulsivo é justamente o fato de que das pessoas portadoras do transtorno sentirem-se obrigadas a realizarem compulsões, sejam atos mentais ou físicos. A satisfação dessas compulsões costumam aliviar o incômodo e a ansiedade causada pelos pensamentos desagradáveis que repetem-se sem cessar nas mentes dos portadores.

O que acontece na mente de quem possui esse transtorno é que o pensamento ruim vem, gerando um incômodo e fazendo com que o portador sinta a absoluta necessidade de realizar algum comportamento – eis aí a compulsão – para livrar-se dele. Isso torna-se um ritual, onde o portador não tem mais controle sobre as repetições.





Estima-se que 2% da população mundial seja portadora de TOC, sendo que a idade de pico se dá entre jovens adultos, com idades entre 18 e 20 anos, e também em crianças no período escolar. Um dos principais pontos para o tratamento é que a informação acerca da gravidade dessa situação seja veiculada. Pense numa criança que vive essa situação e não tem a consciência de que o seu próprio cérebro está escravizando-a. Saber que o comportamento caracteriza um transtorno é o primeiro passo para poder tratá-lo.

Ao observar um ritual mental para uma coisa x ou y, que se repete a fim de aliviar um pensamento intrusivo, é importante analisar com mais afinco a gravidade do caso. O conteúdo das obsessões pode ser muito variado, a consulta com um psiquiatra é imprescindível. Para ler mais sobre o assunto, clique neste link: https://goo.gl/C2LaFb.

Carolina B.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *